Todo mundo tem problema

Há muitos anos, o interfone do apartamento em que morava com minha mãe tocou. Ela atendeu, a conversa foi longa e seu rosto demonstrava preocupação. A vizinha não parecia haver interfonado para pedir açúcar. Ao desligar, minha mãe declarou, impressionadíssima:

– Todo mundo tem problema.

Eu ri da surpresa dela diante da conclusão que me parecia tão óbvia. Ela continuou, ainda impressionada:

Às vezes, pensamos que a vida dos outros é perfeita. A gente olha para essa moça e não sabe o que ela está passando. Vemos alguém que mora num bom apartamento, tem família, emprego… Mas não importa o que pareça. Todo mundo tem problemas.

Veja bem, ainda não eram nem tempos das redes sociais, das aparências escancaradas e das fotos com filtros.

Lembrei-me dessa história, numa conversa com uma moça bonita, simpática, inteligente, magra, bem-sucedida e noiva, que também tem problemas! Não me surpreendi que apesar de aparentemente ótima, ela tivesse problemas, afinal já estava avisada pela minha mãe. O que me lembrou da história foi que ela me disse que por muito tempo acreditou que todo mundo estava bem resolvido, feliz e sem problema nenhum, menos ela. Depois de observar músicas e livros que choram as pitangas, ela se deu conta que a vida é mais complicada que o mostrado no Instagram e ficou aliviada.

Escrevo esta crônica, portanto, para dividir com os caros leitores não tão óbvia conclusão: todo mundo tem problemas. Os jogadores de futebol que ganham milhões, a moça que vende balas e está sempre sorrindo, os políticos corruptos, a vizinha loira do segundo andar. Pode ser uma unha encravada, uma família complicada, um passado doído ou um negócio falido. A diversidade é grande e há muitas opções, mas não tenha dúvidas, todo mundo tem aí uns problemões!

A rima boba foi só para descontrair este leitor que já começa a pensar nos seus problemas e quase deixa este texto para tentar resolvê-los. Não vá, ainda, que esta não é a intenção. Eu queria só que você soubesse que não é único que já chorou no banheiro, tem dor de cabeça antes de dormir e tem hora que só gostaria mesmo de fugir! Infelizmente, não teremos conselhos para a solução dos problemas, afinal já tenho os meus próprios para resolver.

Apesar disso, aproveito para deixar uma ideia que pode até servir para que o mundo tenha menos problemas. Li por aí: “seja gentil, você não sabe pelo que o outro está passando”. Na fila, no banco, no mercado, com amigos, colegas de trabalho, parceiros. Se lembrarmos disso, talvez tenhamos menos problemas, criemos menos problemas para os outros e podemos até ser parte das soluções dos problemas do mundo.

Anúncios

11 comentários sobre “Todo mundo tem problema

  1. Quando eu digo que todo mundo tem problema, é claro que sei que estou dizendo o óbvio. Mas na verdade, para mim isto significa um alerta. Como se eu dissesse: olhe para o outro sem julgamento, seja em qual for a situação. Você não sabe o que pode estar acontecendo com esta pessoa.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s