10 regras de etiqueta para um gringo no Brasil

O primeiro título deste post era “10 Conselhos para um estrangeiro no Brasil”, mas percebi que eram regras de etiquetas. É bom que o mundo saiba que temos nossas regras e que nem tudo é bagunça em terras tupiniquins. Depois, vou escrever alguns conselhos para os amigos gringos que resolverem desembarcar no Brasil. 1. Jamais assoe o nariz em público Os brasileiros acham nojento e … Continuar lendo 10 regras de etiqueta para um gringo no Brasil

Males linguísticos de quem resolve fazer do mundo sua casa

Tudo começou com o verbo inglês “realize”, que significa simplesmente perceber ou dar-se conta. Morando no Canadá, em 2009, eu e uma amiga “realizamos” que era um ótimo verbo e que não havia um correspondente em português. Aportuguesamos o tal do verbo e passamos a incluí-lo em nossas conversas diárias no idioma materno. Até hoje, quando conversamos, é comum “realizarmos” uma coisa ou outra. Em … Continuar lendo Males linguísticos de quem resolve fazer do mundo sua casa

Como conhecer pessoas morando fora do Brasil

Fui para o Canadá e para a Espanha sozinha, para a Argentina com uma amiga (gracias, Camilinha!) e para Portugal, vim com minha mãe. Em todos esses lugares conheci muita gente legal! Acho que quando estamos fora da nossa vida normal, nos abrimos mais para o mundo e isso inclui conhecer pessoas. Além disso, precisamos conhecer gente, especialmente se estamos sozinhos. Ainda quero fazer um … Continuar lendo Como conhecer pessoas morando fora do Brasil

Elas, as cidades

Eu me apaixono fácil por elas. Gostos das retas e das cheias de curvas. Das tranquilas e das mais agitadas, pequenas ou grandes. Modernas, antigas, cinzas ou coloridas. Em quase todas vejo encanto. Igrejinhas em morros altos, desenhos nos muros, flores ou monumentos. Às vezes caio de amores pelo azul do céu ou pelo laranja do pôr do Sol. Esquinas, avenidas, ruas sem saída podem … Continuar lendo Elas, as cidades

Brasil, lanchonete e crise dos refugiados

No Brasil, é fácil encontrar uma lanchonete. Pão de queijo, bolinho de bacalhau, quibe, esfihas, empadinhas, coxinhas e pastéis fazem a nossa alegria do café da manhã ao jantar. Gosto de todos esses salgados, mas vejo um “algo mais” nas lanchonetes. Lanchonete, pra mim, pode ser um resumo da cultura brasileira. Nossa cultura é a mistura de muitos: dos que estavam e dos que vieram … Continuar lendo Brasil, lanchonete e crise dos refugiados

O Sabor da Saudade

Eu acho que saudade tem gosto. Tem cheiro também (mas aí essa é outra história). Pra mim, quando a saudade começa a chegar, ela vem em forma de ideias fixas: coxinha, empadão, bolo de cenoura com cobertura de chocolate, pão de queijo. Outro dia uma ideia nova: angu de milho verde (não é de fubá). Minha avó faz para servir com frango caipira nos almoços … Continuar lendo O Sabor da Saudade